domingo, 5 de janeiro de 2014

O amor existe sim! E que bom...

Hoje o assunto é bem diferente.
Eu quero reverenciar o grande homem que encontrei no meu caminho e que faz dos meus dias mais felizes.
Passei maior parte da vida achando que tinha que me anular pra agradar aos homens e poder ser feliz com um deles. Cresci em ambiente machista, em que a mulher não tem direito à opinião, nem participação em nenhum assunto, nem direito às rédeas da sua própria vida.
Daí a relacionamentos poucos saudáveis (afetivos ou não) foi um pulo. Sempre tendi a me anular para agradar, sempre quis esconder meus desejos para que pudesse ser aceita e fui construindo assim uma personalidade triste, apagada, submissa. Eu fingia tão bem gostar do que as outras pessoas gostavam que até acreditava e, por vezes, pensava estar feliz.
Até que sofri um grande baque, fiquei muito tempo refletindo sobre todas as minhas relações, revendo meus gostos e me conhecendo melhor.
Aí apareceu o Fábio. Ele sempre me respeitou muito (mais até do que eu estava acostumada) e sempre demonstrou gostar de mim exatamente como eu era. Me elogia, reconhece minhas atitudes positivas, quer a minha opinião, dá  atenção e importância aos meus (muitos) dramas, ouve tudo com atenção, dá conselhos sempre muito coerentes e sensatos. Ele me ama.
Sabe se sentir amada pela primeira vez na sua vida por alguém? Eu me sinto amada por esse homem.
Ele faz tudo que está ao seu alcance pra me ver sorrir... quando ele não sabe como ajudar, fica abraçadinho comigo pra eu não ficar triste. Quando estou nervosa, ele me faz rir e olhar todas as situações pelos muitos lados e repensar as raivas eternas e as alegrias efusivas. Ele me ensina todos os dias que devo me valorizar e que ninguém é mais importante na minha vida que eu mesma.
Ele me ama. Assim, de graça, pelo que eu sou, sem egoísmo, sem cobrança. Me ama exatamente assim, com minhas qualidade e defeitinhos. Eu não preciso de personagem, nem preciso fazer nada além de ser eu mesma pra ser amada.
E o que eu sou é motivo de alegria pra ele. Assim temos vivido uma história linda, cheia de aprendizado e muito, muito, muito amor. Não nos amamos por necessidade, mas porque estarmos juntos é a melhor escolha que fazemos todos os dias.
Meu amor, muito obrigada por tudo! Por cada sorriso, abraço, beijo e cada olhar cúmplice e compreensivo em minha direção. Eu te amo!



2 comentários:

Luana disse...

Ola amore!
passando para desejar um 2014 lindo para você e que todos os seus sonhos e realizações aconteçam nesse novo ano!!!!!!
E sempre bom quando estamos com alguem que nos completa! felicidades sempre para voce!!!!
bjs

Josi Carneiro disse...

fico feliz por vc, o amor sempre nos faz feliz! Aproveite! Bjs